ACORS estreia coluna no jornal Diário Catarinense

Diário Catarinense desta quarta-feira, 14 de agosto, marca a estreia da coluna mensal da ACORS. Confira a íntegra do conteúdo assinado pelo presidente da Associação, Cel PM RR Fred Harry Schauffert. 

 

Ao povo servimos e a ele nos integramos. Temos, portanto, os mesmos direitos.

 

     Das prefeituras às delegacias, planejamos cidades, rasgamos estradas, desbravamos terras inóspitas, levamos o progresso, movimentamos a economia, propiciamos a tranquilidade pública, a verdadeira paz social. Os ventos democráticos que sopraram sobre o Brasil influenciaram também as Polícias Militares e os Corpos de Bombeiros Militares. No passado, os oficiais militares estaduais reuniam-se somente em bailes nos clubes sociais. O lazer era a válvula de escape para as agruras da estafante carreira.

     Com o advento do Estado Democrático de Direito, porém, alcançamos o sagrado direito de falar e ser ouvidos. Conquistamos a livre manifestação do pensamento e a chance de participação comunitária. Resgatamos a cidadania, até então cerceada por um regime draconiano. Passamos a defender, como prioridade, direitos institucionais e classistas. Mas libertar-se da formatação acadêmica militar sem transgredir o regulamento disciplinar, tampouco o Código Penal Militar, não se caracteriza em tarefa das mais fáceis.

     Os sólidos embasamentos ético-morais constituem-se em robusta vela enfunada pela brisa democrática que, finalmente, sopra sobre mares nunca antes navegados. Politizamo-nos. Acordamos para o mundo, para a defesa da classe, que sempre serviu sem nada pedir para si. Resgatamos o espaço de cidadão que nos é próprio e de direito nas urbes. Somos oriundos do povo. Ao povo servimos e a ele nos integramos. Temos, portanto, os mesmos direitos.

     A ACORS, entidade que representa os oficiais militares em Santa Catarina, hoje é referência nacional para outras associações classistas. Os congressos e encontros estaduais dos oficiais militares estaduais tornaram-se uma constante, realizados anualmente em cidades do território brasileiro. A atuação permanente junto ao Parlamento Estadual nos permite acompanhar projetos de interesse das instituições e da classe dos militares estaduais. Trabalho idêntico é realizado no Congresso Nacional, onde também tramitam projetos de vital importância para as questões de preservação da ordem pública e de sobrevivência das instituições militares estaduais.

     Como qualquer cidadão, não só sufragamos como sustentamos o exercício da democracia plena. Após fazermos um juramento de sangue em defesa da sociedade, permanecemos dia e noite à disposição da grei. É esse compromisso que nos credencia a manter uma entidade classista forte o suficiente para trabalhar em prol do oficial policial militar e do oficial bombeiro militar, ativo e inativo.

 

Cel PM RR Fred Harry Schauffert

Presidente da ACORS

Notícias Recentes:

Entidades realizam reunião para definir ajuste final da proposta de valorização institucional
Presidente da ACORS apresenta entidade aos novos integrantes do CFO da PMSC
Entidades representativas da Segurança Pública se reúnem para apoiar projeto de valorização institucional
ACORS lança segunda edição do Programa de T&D em Liderança