ACORS aprova em Assembleia Geral o novo percentual da mensalidade e a previsão orçamentária para 2015

     Diante de um público composto por quase 100 Oficiais, o presidente da ACORS, Cel Fred Harry Schauffert, abriu a Assembleia Geral Ordinária no dia 14 de novembro, junto à sede da entidade, destacando algumas das preocupações mais vicejantes para os militares estaduais neste ano de 2014: as mobilizações em Brasília pela desmilitarização e pela reforma previdenciária, que podem comprometer conquistas históricas das corporações militares. “Só isso já justificaria a existência de uma associação que se dedique exclusivamente às questões salariais e de carreira do Oficialato”, explicou o presidente, destacando que a ACORS é referência para entidades similares em todo o país justamente por este foco nas questões institucionais.

     Na sequência, fizeram uso da palavra o Secretário-geral da ACORS, Ten Cel Sérgio Luís Sell, o 2º Secretário, Cel Abelardo Bridi, o Assessor para assuntos Jurídicos, Cap Thiago Vieira, e alguns associados presentes. Após a explanação sobre a taxa de mensalidade e a proposta orçamentária da entidade para 2015, ficou definido em votações unânimes a redução da contribuição mensal para 1% do subsídio do 2º Tenente (que corresponde a R$ 107,00), e o retorno de 50% da mensalidade paga pelos Cadetes para eles próprios, de forma individualizada, na ocasião de suas formaturas. A previsão orçamentária apresentada pelo Tesoureiro Maj Luiz Eduardo Ardigó também foi aprovada sem ressalvas.

* Publicado em 16.11.2015.

 

Notícias Recentes:

ACORS se reúne com a presidência do IPREV para tratar do SPSM
Diretoria Executiva da ACORS se reúne para deliberação de ações da associação
Comissão divulga cartilha para composição de chapas para as eleições da ACORS
Prestação de contas da ACORS é aprovada por unanimidade