Área do associado

Área do associado

Vice-governador de Rondônia defende lavratura do TC por policiais militares

29.6.2016

QG 2

O vice-governador de Rondônia, Daniel Pereira, o Comandante-geral da PMSC, Cel Paulo Henrique Hemm, o Secretário de Estado da Agricultura de Rondônia, o presidente da ACORS, Cel Sérgio Luís Sell, e o Cap Marcelo, assessor do vice-governador

O presidente da ACORS, Cel Sérgio Luís Sell, e o 1º Secretário da entidade, Cap Thiago Augusto Vieira, acompanharam nesta quarta-feira, 29 de junho, a visita do vice-governador de Rondônia, Daniel Pereira, ao Quartel do Comando-geral da PMSC. Na audiência com o Comandante-geral, Cel Paulo Henrique Hemm, o Subcomandante-geral, Cel João Henrique da Silva, e o Chefe do Estado-Maior-geral, João Ricardo Busi da Silva, o vice-governador fez questão de conhecer o processo para lavratura de um termo circunstanciado por policiais militares e as novas tecnologias utilizadas pela PM em Santa Catarina.

Graduado em Direito e com longa trajetória no sindicalismo, o vice-governador se disse convicto dos benefícios que a lavratura de um Termo Circunstanciado pelo próprio policial militar que atendeu a ocorrência traz para a sociedade, dando celeridade aos processos, evitando despesas e a duplicidade de trabalho. Na ocasião, o vice-governador também fez questão de reconhecer a relevância do diálogo com Oficiais catarinenses, em especial o presidente do Conselho Fiscal da ACORS e presidente da Feneme, Cel Marlon Jorge Teza, que prestou a Daniel Pereira os primeiros esclarecimentos acerca dos avanços que a lavratura do TC por policiais militares representa.

 

QG 29.06 5

QG 29.06 6

QG 29.06 016

QG 1

  • Publicado em 29.06.2016.