Área do associado

Área do associado

Clipping dos dias 24 a 26 de setembro

26.9.2011
CLIPPING
24 a 26 de setembro 2011
 
MÍDIAS DE SANTA CATARINA
 
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Geral
Assunto: Gerais
 
Agência marítima pega fogo em Itajaí
Parte do segundo andar do prédio onde está localizada uma agência marítima, no Centro de Itajaí foi consumida pelo fogo. Vários equipamentos do escritório ficaram danificados. Os bombeiros suspeitam de um curto-circuito como causa do incêndio. O fogo começou por volta das 14h. Não havia nenhum funcionário no local. Cerca de 15 bombeiros trabalharam por duas horas no combate ao incêndio.
 
Famílias ocupam prédio
Desde sexta-feira, cinco famílias transformaram a antiga sede da Associação de Moradores do Loteamento Estevão de Matos, na Zona Sul de Joinville, em seu novo lar.
Segundo Claudemir Pimentel, 27 anos, o local está abandonado há cerca de dois anos, depois que a cozinha comunitária foi fechada.
– Não temos condições de pagar aluguel e precisamos de um lugar para morar – justifica.
Ele está no local com a mulher, grávida, e um filho. Ao todo, 18 estão no prédio. Claudemir afirma que ele e as outras famílias não estão invadindo o local, pois estão dispostos a sair imediatamente caso haja um mandado.
– Estamos fazendo um favor aos moradores, reformando o local que estava depredado – afirma.
Além de janelas quebradas, os banheiros também estão sem condições de uso, pois os vasos estão quebrados e a pintura antiga também tinha marcas de fogo, pois os fundos do quintal são utilizados como depósito de lixo.
Desde sexta-feira, os ocupantes pintaram uma das duas estruturas da antiga associação e capinaram o terreno. Sem energia elétrica e água, eles improvisaram uma caixa d’água com a ajuda dos vizinhos. Segundo Claudemir, o presidente da associação esteve no local para pedir a retirada deles.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Geral
Assunto: Aquecimento global
 
Derrete em ritmo acelerado
Cientistas alemães acreditam que a principal causa foi o aquecimento global induzido pelo homem
O gelo do Mar Ártico derreteu em um nível não registrado desde o início do monitoramento via satélite, em 1972, e quase certamente não experimentado por pelo menos 8 mil anos, de acordo com cientistas especialistas em polos. Mapas diários divulgados por físicos da Universidade de Bremen, na Alemanha, mostram que o gelo flutuante no Ártico cobria 4,24 milhões de quilômetros quadrados em 8 de setembro. A última mínima registrada foi de 4,27 milhões de quilômetros quadrados, em 17 de setembro de 2007.
O Centro Nacional Norte-Americano de Dados de Neve e Gelo, no Colorado (EUA), deve anunciar resultados similares dentro de alguns dias. Os pesquisadores alemães afirmam que o derretimento recorde foi causado por aquecimento global induzido por humanos.
– A retração do gelo marítimo não pode mais ser explicada pela variabilidade natural, causada pelo clima – disse Georg Heygster, chefe do Instituto de Física Ambiental em Bremen.
– Modelos climáticos mostram que a redução é relacionada ao aquecimento global causado pelo homem, que, devido ao efeito albedo, é particularmente pronunciado no Ártico.
O efeito albedo refere-se ao poder de reflexão de uma superfície – o gelo branco no mar reflete mais o calor do sol de volta para o espaço do que a água, mais escura, que absorve o calor do sol e se aquece. O gelo flutuante no mar derrete naturalmente e congela a cada ano, mas a velocidade da mudança impressionou cientistas.
Ela, agora, é duas vezes maior do que era em 1972, de acordo com o Centro Norte-Americano. A temperatura no Ártico aumentou em velocidade maior do que o dobro da média global durante a última metade do século passado.
Outras pesquisas sugerem que o gelo do Ártico está em uma espiral descendente, diminuindo em área, mas também afinando. Cientistas do Centro de Ciência Polar da Universidade de Washington, em Seattle (EUA), disseram, no início do mês, que o volume de gelo no Mar Ártico estava em seu menor nível em 2010 e seguia em um caminho de quebrar mais recordes neste ano. A pesquisa será publicada no Journal of Geophysical Research.
– O volume do gelo diminui agora mais rápido do que o fazia nesta época do último ano, quando o recorde foi quebrado – disse Axel Schweiger.
 
Dez mortes no trânsito
Mais uma vez, a maioria das vítimas era motociclista e homem, com idades entre 18 e 43 anos
No fim de semana foram registradas pelo menos dez mortes em acidentes de trânsito em SC. Sete das ocorrências resultaram na morte de motociclistas. Uma delas ocorreu na Ponte Pedro Ivo Campos, em Florianópolis, na madrugada de sábado.
No acidente na ponte que dá acesso dos carros que vêm do Continente para a Ilha, Wilian da Silva, de 18 anos, morreu no momento em que um carro Fiat Stilo bateu contra a Honda CG que pilotava. A jovem que ocupava a garupa, Taciana Maria Rodrigues, 16 anos, perdeu o pé e sofreu traumatismo craniano. Ela foi encaminhada à unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Celso Ramos, no Centro de Florianópolis
O motorista do carro que atingiu a moto, Felipe Monfroni Carneiro, 35 anos, se negou a fazer o teste do bafômetro. Ele foi detido e liberado, após pagar R$ 7 mil de fiança. As pessoas que estavam no Fiat tiveram ferimentos leves.
Por volta das 19h de ontem, um engavetamento envolvendo seis veículos deixou o trânsito lento na Avenida Beira-Mar Norte, na Capital. Uma pessoa teve ferimentos leves.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Moacir Pereira
Assunto: FGTS e as enchentes
 
Enchentes: e o FGTS?
Santa Catarina vai para a quarta semana depois das enchentes no Vale do Itajaí. E até agora não há sequer decisão tomada sobre a principal reivindicação das vítimas e de toda a população de Rio do Sul e municípios da região: a liberação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. É, definitivamente, uma situação escandalosa, a revelar o peso e a lentidão da burocracia federal e a inexistência de um mecanismo rotineiro para atender as comunidades atingidas por catástrofes.
Nos dias seguintes às inundações, os ministros Ideli Salvatti e Fernando Bezerra revelaram agilidade, atenção ao Estado. Aqui vieram, bateram fotos, deram entrevistas e prometeram rapidez nas ações federais. A primeira ajuda veio em forma de transferência de R$13 milhões: R$10 milhões para os municípios e R$ 3 milhões para a Defesa Civil Estadual. Para se ter uma ideia: a verba levou três dias para chegar ao governo estadual, entre o depósito em Brasília e o crédito na conta. Seria mais rápido de viesse um cheque de avião ou de carro. Na era digital, onde tudo é “on line”, é inexplicável.
O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, “tem demonstrado atenção e boa vontade com Santa Catarina”, repete o governador Raimundo Colombo. Acontece que ele prometeu agilizar a liberação do saldo do FGTS aos flagelados de Rio do Sul e região. Isto, no final da segunda semana de setembro. Informou que o ato seria do ministro do Trabalho, Carlos Lupi. Autoridades cobraram a esperada decisão. Veio, depois, a notícia de que era matéria para o ministro da Previdência. Bezerra falou com Garibaldi Alves na frente de Colombo e de Geraldo Althoff. Vem agora outra posição de Brasília: a liberação do saldo do FGTS depende de decreto da presidente Dilma . Vá explicar esta desorganização às milhares de famílias que perderam quase tudo e, desesperadas, procuram um ponto de apoio para recomeçar. É realmente uma desarticulação incompreensível.
 
 
AUDIÊNCIA
Há um consenso em Blumenau, que o prefeito João Paulo Kleinubing subscreve: a liberação do FTGS nas enchentes de 2008 foi fundamental para reanimar a população e dinamizar a economia. Ali, a Caixa Econômica Federal montou grupos especiais para cadastramento das vítimas. Nota 10. Mas, mesmo assim, a tragédia aconteceu dias 20 e 21 de novembro e o primeiro pagamento aconteceu só em janeiro de 2009. Acontece que só a notícia da liberação criou um novo ânimo no comércio, que abriu crédito e começou a atender pedidos para o Natal.
 
Depois de participar de um culto ecumênico ontem, na Catedral de Rio do Sul superlotada, o prefeito Milton Hobus(DEM), voltou a insistir que a liberação do FGTS é vital para a cidade. O ex-prefeito e deputado Jailson Lima (PT) tem defendido a medida com igual intensidade. Mas chega a última semana de setembro e….nada!
Rio do Sul foi o município mais castigado. Relatório preliminar indica que os prejuízos chegam a mais de R$ 500 milhões. São quase R$ 200 milhões das 1,2 mil empresas atingidas pelas águas. Mais R$16 milhões a R$ 20 milhões das 330 famílias que tudo perderam. Outros R$ 150 milhões do poder público, entre oito pontes médias, duas grandes, e estradas. E outros R$ 100 milhões das 10 mil residências invadidas pelas águas.
O governador vai amanhã a Brasília. Tem audiência com os ministros Gleisi Hoffmann, Ideli Salvatti e Fernando Bezerra. Vai cobrar esta pendência do FGTS e também de recursos para obras de reconstrução dos municípios mais afetados. A Secretaria de Infraestrutura realizou levantamento em 51 municípios do Vale do Itajaí e constatou prejuízos de R$ 390 milhões em 780 ocorrências. Desse total, R$ 90 milhões serão para a recuperação de rodovias estaduais e R$ 300 milhões para estradas municipais.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Política
Assunto: Julgamento dos processos do registro do PSD e da cassação de Dário
 
Semana decisiva para catarinenses em Brasília
Resultados dos dois processos vão ter reflexos nas eleições do ano que vem em Santa Catarina
O Tribunal Superior Eleitoral deve julgar, nesta semana, dois processos que mexem com interesses de partidos catarinenses. Estão previstos para entrar na pauta a análise do registro nacional do PSD, futura sigla do governador Raimundo Colombo, e o recurso que pode resultar na cassação do prefeito de Florianópolis, Dário Berger (PMDB).
O registro do PSD começou a ser analisado na última quinta-feira, mas o pedido de vista do ministro Marcelo Ribeiro adiou o julgamento. Ribeiro se comprometeu a apresentar seu voto amanhã.
Colombo cumprirá agenda em Brasília neste dia e deve abrir uma brecha nos compromissos oficiais para se encontrar com o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD.
No Estado, o julgamento deve ser acompanhado tanto pelas lideranças que já anunciaram a ida para a nova sigla, como por futuros aliados e adversários. Os pessedistas apostam na aprovação do registro na terça-feira para, a partir de quarta, organizar um mutirão de filiação. É que para poder concorrer às eleições de 2012 as filiações precisam ser feitas até o dia 7 de outubro, um ano antes da votação.
Na Capital, além da análise do registro do PSD, outro assunto de destaque é o julgamento do prefeito Dário, que sofre processo de cassação pela tese de prefeito itinerante. O peemedebista governou São José por dois mandatos consecutivos e, em 2003, trocou de domicílio eleitoral para se candidatar à prefeitura de Florianópolis. Ele venceu duas disputas na Capital e assumiu a administração municipal por mais dois mandatos.
 
Ação que envolve Dário deve ficar para quinta
A partir de 2008, a Justiça passou a considerar que a prática vai contra a Constituição, que, no caso do Executivo, permite apenas uma recondução consecutiva para o mesmo cargo.
Dário foi absolvido no Tribunal Regional Eleitoral (TRESC), que levou em consideração a questão da segurança jurídica. O PP, autor da ação, recorreu ao TSE e, na última semana, a relatora do processo, ministra Cármen Lúcia, incluiu o processo na pauta de julgamento. A expectativa é que o caso fosse analisado amanhã, mas o julgamento do registro do PSD pode fazer com que o processo de Dário fique para quinta-feira.
– Só teremos certeza na segunda-feira (hoje) a partir das 15h, que é quando o Tribunal publica a pauta. Pode ser na terça ou na quinta, vai depender da decisão do presidente (do TSE, Ricardo Lewandowski), que é quem define a pauta – afirma o advogado do PP, Alessandro Abreu.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Política
Assunto: Liminar para 14 aposentados da AL
 
Advogado consegue liminar para 14 aposentados da AL
Inativos convocados que deveriam se apresentar ao trabalho hoje são beneficiados com as decisões
O advogado Pedro Queiroz, que representa 15 dos 16 aposentados por invalidez da Assembleia que foram convocados a voltar ao trabalho, conseguiu decisão liminar da Justiça suspendendo o chamado da Mesa Diretora da Casa. Agora, os ex-servidores não precisam se apresentar à AL e podem continuar a receber a aposentadoria até o julgamento do mérito da ação.
Segundo Queiroz, os processos foram apresentados ao Tribunal de Justiça no sábado e o desembargador de plantão, Robson Luz Varella, concedeu as liminares ontem, às 18h.
O advogado explica que apresentou 14 liminares individuais. Desta forma, dos 16 aposentados convocados a voltar ao trabalho, apenas Albertina Prates de Souza e Zelia Terezinha de Souza não foram beneficiadas. De acordo com Queiroz, Albertina não é sua cliente e Zélia, embora representada pelo escritório, passou por uma cirurgia na última semana e não pôde fornecer a procuração.
Após denúncias envolvendo aposentadorias por invalidez na Assembleia, todos passaram por nova perícia no Instituto de Previdência de Santa Catarina (Iprev), que atestou que dos 210 inválidos, 16 não apresentavam doença que impedisse o trabalho.
 
Jornalista que pediu para voltar também está na lista
No último dia 16, o presidente da Assembleia, Gelson Merisio, decidiu convocá-los ao trabalho. Hoje acabaria o prazo dado pela Assembleia para os ex-servidores se apresentarem. O DC tentou entrar em contato com Merisio, mas o celular estava desligado.
Entre os beneficiados com a liminar está o jornalista Walter Pereira, que tem um programa de televisão e disse ter sido aposentado contra sua vontade. Na semana passada, Walter informou que ele próprio havia pedido, no dia 12 de setembro, para ser reintegrado ao corpo da Assembleia.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Informe Político
Assuntos: Gean Loureiro
                   Reajuste para a Polícia Civil
 
PLENOS PODERES PARA GEAN
Enquanto o julgamento do processo de prefeito itinerante no Tribunal Superior Eleitoral não vem, Dário Berger (PMDB) tratou de fazer as pazes com a executiva municipal do partido na Capital e de quebra oficializou o deputado Gean Loureiro como o pré-candidato da sigla à sua sucessão. A indicação de Gean foi respaldada pelos peemedebistas, que, em um primeiro momento, disseram não ao pedido de Dário assumir a articulação de alianças e montagens de chapas para 2012. O papel de construção da nominata a vereadores, por exemplo, ficou a cargo de Gean, que ganha superpoderes à véspera de uma decisão da Justiça Eleitoral que, de qualquer maneira, terá reflexos na eleição municipal. Da direita para a esquerda, o deputado federal Mauro Mariani, que veio dar apoio da bancada federal; Gean; Dário e o vereador Celso Sandrini, presidente municipal do partido.
 
 
Porta-voz
O deputado Maurício Eskudlark (futuro PSD) tem sido o canal para a negociação salarial da polícia civil. Os delegados argumentam que há 13 anos não têm reposição.
Eskudlark conversou com Raimundo Colombo sobre o reajuste e obteve a informação que o assunto começa a ser estudado esta semana por técnicos da Administração e da Fazenda, parte de uma ação encampada pelo secretário César Grubba (Segurança Pública). Na expectativa, o deputado protocolou uma emenda para incluir a garantia da incorporação do adicional de permanência à aposentadoria dos policiais civis, 25% sobre os vencimentos como indenização de equivalência, que já existe para os PMs.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Polícia
Assunto: PM faz pente fino na cadeia de Itajaí
 
PM faz pente fino na cadeia
A Polícia Militar fez uma operação pente fino na manhã de ontem no Presídio da Canhanduba, em Itajaí. Segundo a direção da unidade, a ação foi necessária após detentos serem flagrados, no sábado, fazendo uma pirâmide humana para chegar até as grades do pátio e tentar a fuga.
– A operação faz parte da rotina e foi feita como medida preventiva – afirmou o diretor do presídio, José Milton Ribeiro Santana.
Somente pedaços de acrílico foram encontrados nas celas. O material seria de algumas janelas da unidade, que teriam sofrido danos. As visitas da domingo foram canceladas, gerando protestos de familiares dos presos.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Polícia
Assunto: Presidente de torcida organizada tem casa atingida por 12 tiros
 
 
Presidente de torcida tem casa atingida por 12 tiros
Homens de moto dispararam contra a residência de Carlos Laus, dirigente da organizada do Figueira
Homens desconhecidos que estavam em duas motos efetuaram pelo menos 12 tiros contra a casa do presidente da torcida organizada Gaviões Alvinegros, do Figueirense Futebol Clube. Os disparos atingiram o portão, perfuraram uma parede e alcançaram o interior da moradia, onde havia quatro pessoas, mas ninguém ficou ferido.
O atentado foi às 20h30min de sexta-feira, na residência onde mora Carlos José Laus, o Bola, presidente da Gaviões. A casa fica na Rua José de Anchieta, no Bairro Balneário, região continental de Florianópolis, ao lado da sede da torcida. Bola contou que tinha acabado de chegar.
– É revoltante. Quase atingiram alguém inocente. Que fizessem fisicamente. Assim foi uma covardia – revoltou-se Bola.
Ele afirma ter registrado boletim de ocorrência na 3ª Delegacia de Polícia, onde o crime deverá ser investigado. As marcas dos tiros estão no portão de ferro, na parede de madeira e também dentro da casa.
Um disparo acertou um troféu e um espelho da sala. Um sobrinho de Bola de 14 anos estava perto e escapou de ser atingido. Os pais do torcedor também estavam no local. Bola acredita que a motivação do ataque esteja ligada à rivalidade esportiva e que não seja algo pessoal.
– Não tenho rixa com ninguém. Então acredito que seja por causa da minha relação com o Figueirense – afirmou Carlos .
O atentado ocorreu menos de duas horas antes do embarque dos torcedores em um ônibus que os levaria até o litoral paulista, para assistir à partida contra o Santos, no sábado, pelo Campeonato Brasileiro.
Havia poucos torcedores na sede no momento e ninguém conseguiu identificar as motos ou os tripulantes. Familiares de Bola chegaram a pensar, no início, que se tratava de rojões disparados na rua. A partir de hoje, a Polícia Civil deverá intensificar a investigação do caso.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Polícia
Assunto: Presídio da Capital: Agente evita nova fuga
 
Agente evita nova fuga
A poucos dias da conclusão do muro que está sendo construído nos fundos da Penitenciária de Florianópolis, os presos tentaram novamente fugir do local. Mas, desta vez, eles foram surpreendidos por agentes penitenciários que estavam de plantão e que evitaram a escapada.
Na tarde de ontem, por volta das 15h, um agente decidiu fazer uma revista numa cela da ala de segurança máxima, onde estão os presos de alta periculosidade. Ele encontrou um túnel com 70 centímetros de largura que estava sendo feito por detentos no chão de uma das celas. Uma serra também foi encontrada e apreendida numa cela contêiner.
O diretor do Departamento de Administração Prisional (Deap), Leandro Antônio Soares Lima, disse que os presos teriam acesso à parte onde está sendo construído o muro e que leva aos morros vizinhos à prisão.
– Eles estão ansiosos para tentar fugir agora, porque sabem que o muro está ficando pronto. Mas estamos atentos e redobramos a segurança – afirmou o diretor, que também pediu apoio da Polícia Militar.
A direção da penitenciária espera que a obra esteja concluída em até duas semanas. Além do muro, está sendo instalado circuito de câmeras externas na prisão. À noite, numa revista na ala onde ficam os detentos do semiaberto, seis celulares foram apreendidos pelos agentes.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Polícia
Assunto: Projeto reduz benefícios a condenados
 
Projeto reduz benefícios
Um projeto de lei apresentado pelo senador Reditário Cassol (PP-RO) pretende restringir benefícios concedidos a condenados a penas privativas de liberdade.
A proposta determina o fim de “benesses e prêmios” contidos na legislação penal, como o aumento dos prazos para a progressão de regime; o fim da remissão da pena pelo trabalho ou pelo estudo; e a perda do direito de saída temporária para os presos condenados a crimes hediondos ou equiparados a eles.
O projeto também determina o aumento do prazo de validade da condenação penal para efeito de reincidência (de cinco para 10 anos) e aumento dos prazos para obtenção do livramento condicional.
____________________________________________________________________________
Veículo: Diário Catarinense
Editoria: Polícia
Assunto: Crimes e ocorrências
 
Denúncia de tráfico rende apreensão
Uma denúncia de tráfico de drogas resultou na apreensão de três máquinas caça-níqueis, no sábado, em Joinville. A Polícia Militar recebeu a informação de que dois homens estariam vendendo drogas na Rua Ataulfo Alves, no Bairro Comasa, mas não encontrou nada com os suspeitos durante a abordagem.
Em um bar da mesma rua, os policiais notaram que havia máquinas caça-níqueis em funcionamento. Os equipamentos foram apreendidos e a dona do estabelecimento vai responder a um termo circunstanciado.
 
Máquina de apostas é apreendida no Norte
Durante a tarde de sábado, por volta de 16h30min, o dono de um bar da Rua Alexandre Schellen, no Bairro Bucarein, em Joinville, foi autuado e vai responder a termo circunstanciado por jogo do bicho.
 
No local, foram apreendidas uma máquina para registrar o jogo e várias apostas. O equipamento usado pelos anotadores para enviar as apostas à central do jogo do bicho tem aspecto semelhante ao de uma máquina convencional de cobrança de cartão de crédito e débito em estabelecimentos comerciais.
 
Polícia prende homem com drogas e balança
A Polícia Militar (PM) prendeu um homem de 40 anos com cocaína e uma balança de precisão, na noite de sexta-feira, em Joinville. Após denúncias anônimas, a PM foi até uma casa na Servidão Izabel Borges da Silva, no Bairro João Costa. Com o suspeito, foram encontradas 10 gramas de cocaína e R$ 65. Dentro da casa, ainda foi achada uma balança de precisão e mais R$ 180. Os suspeitos foram encaminhados para a Central de Polícia. Um usuário detido foi liberado ainda, e o suspeito de tráfico foi levado ao Presídio Regional de Joinville.
 
Rapaz assassinado no interior de Concórdia
Enir Pereira da Silva, 31 anos, foi morto a tiros na estrada que liga as comunidades de Barra Bonita e São Cristóvão, em Concórdia, Oeste do Estado, às 19h de sábado. Segundo informações levantadas pela polícia, a vítima e o suspeito teriam se encontrado em um clube da comunidade de Barra Bonita. No final da tarde, Enir teria ido visitar o pai, que mora em São Cristóvão. Os disparos teriam acontecido no caminho. De acordo com a polícia, o suspeito seria um vizinho do pai da vítima.
 
Briga de bar acaba com um esfaqueado
Um homem foi esfaqueado no fim da manhã de sábado, em Joinville, durante uma briga. A vítima estava em um bar do Bairro Paranaguamirim quando discutiu com um homem, que o atingiu com uma facada na região do abdômen. O Samu encaminhou a vítima ao Hospital Municipal São José. O homem não corre risco de vida.
 
Homem é baleado em posto de gasolina
Um homem de 44 anos foi baleado por volta das 4h30min de sábado na Lagoa da Conceição, em Florianópolis, no posto de gasolina próximo ao clube Sociedade Amigos da Lagoa (SAL). A vítima levou dois tiros de pistola 765 e foi levada ao Hospital Celso Ramos. A arma foi entregue na 10ª DP, que deve investigar o caso.
____________________________________________________________________________
Veículo: Notícias do Dia
Editoria: Hélio Costa
Assunto: Verdi Furlaneto vai se especializar em investigação de lavagem de dinheiro
 
Verdi Furlaneto vai se especializar em investigação de lavagem de dinheiro
Laboratório de tecnologia, montado na Deic, vai ser o centro difusor de técnicas e metódos na investigação de fraudes financeiras
Lavagem de dinheiro
O Laboratório de Tecnologia Especializado contra a Lavagem de Dinheiro (Lab-LD), implantando pela Polícia Civil de SC vai produzir provas diferentes das periciais e de inteligência policial, organizando material comprobatório coletado por vias judiciais para o entendimento das informações. A nova contratação para centro difusor de técnicas e métodos à produção de informações durante a investigação de crimes de fraude financeira é o delegado Verdi Furlanetto. Conversei com ele semana passada, mas o delegado não revelou as investigações em cursos. Apenas informou que viaja a São Paulo, onde participa de um curso de especialização com os “feras” que já trabalham nesta área. São Paulo foi o primeiro estado que implantou o Lab-LD no País. SC é 16º Estado a criar o serviço. Certamente, Verdi vai ter muito trabalho pela frente porque o que tem de “forasteiro” comprando mansões nos balneários da Ilha…
 
 
BLOGS
 
Cláudio Prisco
 
Preocupante
Do ano passado para cá, foram mais de 200. A maioria em função da aprovação em outros concursos públicos para cargos com salários mais atrativos. Em 2010, o efetivo total da PC era de 3.246 policiais. Hoje são 3.041.
 
Realidade: 1
Números levados a Mauricio Eskudlark dão conta de que aumenta o índice de evasão entre os recém-formados na Academia da Policia Civil (Acadepol) e que estão iniciando os trabalhos em diversas regiões do Estado.