Área do associado

Área do associado

Clipagem do dia 26 de setembro

26.9.2014

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA 26 DE SETEMBRO

 

COLUNISTA RAFAEL MARTINI – Diário Catarinense

JUSTA HOMENAGEM

O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina completa hoje 88 anos. Para marcar a data, a iluminação do laguinho na alça de acesso à Ilha de SC está na cor-símbolo da corporação, o vermelho.

PROFISSÃO DE RISCO

Um policial civil que foi entregar intimação ontem pela manhã no Morro do Mocotó foi alvo de disparos. Existe uma portaria da delegacia geral que proíbe qualquer agente de circular sozinho em áreas consideradas de risco. A dúvida é se teria sido falta de comando, treinamento ou efetivo. Logo depois, PM e PC montaram uma megaoperação na região, mas...

ALIÁS

Em menos de uma semana é a terceira vez que criminosos atiram contra policiais em Florianópolis.

 

COLUNISTA CACAU MENEZES – Diário Catarinense

FÁCIL, FÁCIL

Polícia Militar Rodoviária voltou a ligar seus famigerados radares na SC-401, à noite, quando um policial fica entre o guardrail que divide as pistas, correndo perigo inclusive, e na descida do morro do Jardim da Paz. Multam quem eles querem, não por excesso de velocidade, porque o limite permitido é muito baixo para uma rodovia duplicada, sem escolas e residências ao redor.

 

COLUNISTA PAULO ALCEU – Notícias do Dia

 

ASSUNTO: Violência no futebol

VEÍCULO: Diário Catarinense

Polícia identifica suspeitos e aguarda que eles se apresentem à delegacia

A polícia espera que se apresentem hoje os responsáveis pelo arremesso de pedras contra o ônibus de torcedores avaianos que resultou na morte de João Grah, 27 anos, na madrugada de quarta-feira. O delegado Osnei Valdir de Oliveira, coordenador da Divisão de Investigações Criminais de Balneário Camboriú (DIC), identificou os suspeitos. Ele apurou que 10 pessoas participaram da agressão. De acordo com o delegado, todos são de Itajaí e ligados à torcida organizada Fúria Marcilista.
Um adolescente foi ouvido e teria admitido a participação no crime. A polícia já tem os nomes dos demais suspeitos e espera que eles se apresentem à delegacia.
– Caso contrário, terão as prisões decretadas – diz o delegado.
A polícia espera agora esclarecer a participação de cada um dos suspeitos. Segundo o delegado, em depoimento o adolescente negou a intenção de matar.
– Ele disse que era uma arruaça – afirmou Oliveira.

Após ter sido ouvido, o adolescente foi liberado.
Em entrevista à RBS TV, Oliveira disse que a investigação aponta para um desentendimento entre a torcida marcilista e avaiana no jogo Avaí e América-RN no dia 6, como o gerador deste último ato violento.
O diretor social da Fúria Marcilista, Francisco Oliveira Júnior, informou que a torcida não foi comunicada oficialmente sobre o caso. Mas adiantou que se for confirmada a participação de integrantes do grupo no crime, eles serão expulsos.
A diretoria do Marcílio Dias emitiu uma nota em seu site repudiando a violência no futebol e prometendo atitudes severas em relação ao acesso de torcidas organizadas no Estádio Hercílio Luz, onde manda seus jogos.
O presidente da Federação Catarinense de Futebol, Delfim de Pádua Peixoto Filho, classificou o ato como “fim do mundo” e defendeu que os responsáveis sejam presos.
– Achávamos que era vandalismo, não que estivesse ligado a alguma torcida. Se isso for comprovado, o que a federação tem que fazer é proibir a entrada da Fúria nos estádios – disse o dirigente.
Emoção marca enterro de João
João foi enterrado na manhã de ontem, em Santo Amaro da Imperatriz, na Grande Florianópolis. A Câmara dos Vereadores da cidade amanheceu lotada para acompanhar o velório. O clima era de inconformidade e emoção.
De lá, o corpo foi levado até o cemitério da Igreja Matriz, que parou para acompanhar o cortejo. Na igreja ocorreu uma missa e recados deixados para o jovem no Facebook foram lidos em voz alta. “O céu ganhou um anjo avaiano”, dizia uma das mensagens.

ASSUNTO: Formatura no CBM

VEÍCULO: Portal do CBMSC

CURSO DE ALTOS ESTUDOS ESTRATÉGICOS: FORMATURA É REALIZADA NA CAPITAL

     
 

Foi realizada na última quinta-feira (25/09) a cerimônia de formatura do Curso de Especialização em Gestão Pública: Estudos Estratégicos do CBMSC, em Florianópolis. Em uma parceria com a Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC / Centro de Ciências da Administração e Socieconômicas - ESAG, a turma, de nome Professor Dr Maurício Custódio Serafim, cursou um total de 510 horas/aula.

Recebem a outorga do diploma de pós-graduação 15 Tenentes-Coronéis do CBMSC, um Tenente-Coronel da Polícia Militar de Santa Catarina e dois inspetores da Polícia Rodoviária Federal. Com média de 9,921, o Tenente Coronel BM Carlos Charlie Campos Maia recebeu a medalha de mérito intelectual Presidente Getúlio Vargas, como primeiro colocado.

A turma homenageou instrutores e apoiadores do curso, com destaque para a professora Dra Patrícia Vendramini, em nome de todos aqueles que guiaram os passos do corpo discente até a conclusão do curso.

“Demonstrem tudo aquilo que aprenderam, sejam orgulho para as suas famílias e para a sociedade catarinense, sejam líderes e atuem com caráter, integridade e ética”, discursou o Comandante-Geral do CBMSC, rogando a todos os formandos sucesso e comprometimento nos próximos projetos após mais este passo na carreira de oficial.

O Secretário de Estado da Segurança Pública e paraninfo da turma, César Augusto Grubba, destacou em seu discurso a importância da ocasião para os formandos e para os catarinenses, que recebem comandantes das tropas cada vez mais preparados, com visão de futuro, planejamento e inovação.

Prestigiaram também a ocasião o Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel Valdemir Cabral, o Superintendente Regional da Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina, Inspetor Silvinei Vasquez, o Pró-Reitor da UDESC, Professor Dr Luciano Emílio Hack, oficiais e praças do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, além dos familiares e amigos.