Área do associado

Área do associado

Clipagem do dia 2 de dezembro

2.12.2014

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA 02 DE DEZEMBRO

 

COLUNISTA RAFAEL MARTINI – Diário Catarinense

SÓ POR DEUS

A PM, com apoio do Águia (foto), iniciou a ocupação para tentar conter a guerra por pontos de tráfico entre gangues de menores da Chico Mendes e do Novo Horizonte, as duas comunidades na região continental de Florianópolis.

ORDEM UNIDA

O coronel Oliveira informou ao governador a decisão de sair do comando do Corpo de Bombeiros Militar. A expectativa é que o novo nome assuma neste mês ou no início de janeiro, visando à Operação Veraneio. Colombo ainda não decidiu pelo nome.

 

COLUNISTA YULA JORGE – Notícias do Dia

Contra incêndios

A formanda em Engenharia Civil da Unisul, Késia Alves da Silva, defendeu em seu trabalho de conclusão de curso um projeto de prevenção de incêndios para escolas de Palhoça. O trabalho, que obteve nota dez da bancada, foi apresentado ao prefeito Camilo Martins, além de ter sido elogiado por outras prefeituras vizinhas, como São José e Biguaçu, que já contataram Késia para falar sobre o projeto.

 

ASSUNTO: Chico Mendes

VEÍCULO: Diário Catarinense

RESPOSTA DA SEGURANÇA: Polícia ocupa comunidade refém do tráfico

Após duas semanas vivendo sob toque de recolher de grupos de adolescentes, moradores do Novo Horizonte e da Chico Mendes, na região continental de Florianópolis, agora contam com a presença dos grupos especializados da Polícia Militar

Com cerca de 60 policiais da Cavalaria, Bope, Tropa de Choque e guarnições do 22º Batalhão, a Polícia Militar ocupou ontem o bairro Monte Cristo, no Continente de Florianópolis.
Foi a resposta da Segurança Pública às duas semanas de medo da população, gerado por uma briga de território entre dois grupos de traficantes que teve até toque de recolher nas comunidades de Chico Mendes e Novo Horizonte. Ontem, alguns pontos comerciais, uma escola e duas creches reabriram após quatro dias fechados.
– Vamos permanecer 24 horas até o restabelecimento da ordem – afirmou o subcomandante-geral da PM, Paulo Henrique Hemm.
ÚLTIMOS DIAS FORAM DE TENSÃO NO LOCAL
Após ficarem três dias com as portas fechadas e atendimento reduzido por medo da violência, as creches Chico Mendes e Mateus de Barros, e a Escola Estadual América Dutra Machado, na região do Monte Cristo, voltaram a receber alunos ontem. Na última, porém, houve escolta policial.
Apesar das portas abertas, o medo permanece nas duas creches, e segundo informações da Secretaria Municipal de Educação, o movimento é fraco. Ontem, somente metade dos 200 alunos foram para a aula.

Confrontos têm três mortes

Até agora, no confronto entre os criminosos, três pessoas morreram e, no domingo, outras duas foram baleadas – um dos feridos era morador do conjunto habitacional Panorama. Um jovem de 17 anos também foi apreendido no domingo pela PM.
De acordo com um morador, a última morte teria sido de um jovem do Morro da Caixa, que estaria no Monte Cristo observando a movimentação quando foi alvejado próximo à escola América Dutra Machado, no domingo.

Os próprios bandidos teriam recolhido o corpo. A Polícia Civil não confirma a informação e a PM diz apenas que as ocorrências com disparo de arma de fogo terminaram em feridos.
– Está todo mundo com medo até de denunciar – disse um morador.