Área do associado

Área do associado

Clipping do dia 4 de setembro

4.9.2013

PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO DIA 04 DE SETEMBRO

 

COLUNISTA MOACIR PEREIRA – Diário Catarinense

Salários da segurança

Os secretários Antonio  Gavazzoni e Derly Anunciação aproveitarão os 10 dias de ausência do governador Raimundo Colombo para tentar fechar acordo com todas as categorias da segurança pública. Decisão tomada: os projetos para os policiais civis e militares e de peritos irão em bloco. As vantagens devem ser iguais para todos.

Penha insegura

A segurança pública estadual vai executar um plano especial de emergência no município de Penha. A população e os empresários andam assustados com a onda de violência, assaltos e arrombamentos de casas, além do aumento do tráfico de drogas. Há temor de que este cenário novo de criminalidade afete o turismo. Em Penha fica o Parque do Beto Carrero.

DIRETAS

Dirigentes do Sinpol foram à Assembleia pedir apoio a deputados de todos os partidos para suas reivindicações salariais.

 

COLUNISTA RAFAEL MARTINI – Diário Catarinense

AUXÍLIO-FRONTEIRA

O Sindicato dos Policiais Rodoviários de Santa Catarina está na expectativa da inclusão dos municípios de Chapecó e Joaçaba na regulamentação da lei sancionada pela pela presidente Dilma que cria o auxílio-fronteira para servidores que atuam nas regiões transfronteiriças do Brasil, entre eles, os das polícias federal e Rodoviária Federal. O benefício prevê pagamento de R$ 91 por dia.

 

COLUNISTA CACAU MENEZES – Diário Catarinense

Mexeram no bicho

A assessoria de imprensa da Polícia Civil envia release para dizer que estourou uma banca do jogo do bicho em Jaraguá do Sul, onde apreendeu R$ 3 mil. Um apostador incauto que passava por ali foi para trás das grades. Pergunta: quantas bancas dessas existem em Jaraguá, em Joinville, em Florianópolis, em qualquer parte do Estado? Por que só essa recebeu a visita policial?

 

COLUNISTA ROBERTO AZEVEDO – Notícias do Dia

Flerte

Ex-candidato do PSDB à prefeitura de Palhoça, o coronel Ivon de Souza continua em alta no quesito cortejamento partidário. No final de semana passado, foi ao encontro estadual do PR.

 

COLUNISTA HÉLIO COSTA – Notícias do Dia

Assassinatos

O número de assassinatos diminuiu no estado pelo segundo mês consecutivo. Em agosto, foram registrados 42 homicídios, contra 62 no mesmo mês de 2012 – redução de 35,39%. Julho já havia registro de redução no número de crimes contra a vida. No comparativo anual, a SSP registra de 1 de janeiro a 2 de setembro deste ano, 459 assassinatos contra 488 ocorridos no mesmo período do ano passado. Redução de 5,94%. a taxa de homicídio por 100 mil habitantes é de 7,34 mortos.

 

ASSUNTO: Homicídios em SC

VEÍCULO: Diário Catarinense

INTENÇÃO DE MATAR: Estado tem nova queda de homicídios

O número de homicídios dolosos (quando há intenção de matar) registrou queda pelo segundo mês consecutivo em Santa Catarina. Em agosto foram 42 contra 62 no mesmo mês de 2012 – uma redução de 35,39%. Julho já havia registro queda no número de assassinatos em comparação com o mesmo mês do ano passado.
No comparativo anual, de 1o de janeiro a 3 de setembro de 2013, foram 460 assassinatos contra 488 ocorridos no mesmo período do ano passado, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública. Uma redução de 5,74%. A taxa de homicídio por 100 mil habitantes é de 7,34

Houve registro de assassinatos em 119 dos 295 municípios catarinenses. Outras 176 cidades não tiveram ocorrência de homicídio e em 65 delas ocorreu apenas um crime.
Já as estatísticas de latrocínio (roubo seguido de morte) registram uma redução de 25,53% no período analisado, de 1o de janeiro a 3 de setembro. Neste ano, Santa Catarina teve 35 latrocínios contra 47 no mesmo período do ano passado.
Na análise regional, foram 126 assassinatos no Vale e 102 no Norte. A Grande Florianópolis contabiliza 79 casos; o Sul, 61, e o Oeste, 64. O Planalto Serrano é a região com o menor número de homicídios dolosos. Foram somados 28 neste ano.

 

ASSUNTO: Investigação em SP

VEÍCULO: Diário Catarinense

CASO PESSEGHINI: Polícia Civil solicita mais tempo à Justiça

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de São Paulo informou ontem que pedirá à Justiça mais 30 dias para concluir o inquérito sobre as mortes da família Pesseghini. O prazo, segundo a Polícia Civil, servirá para a análise dos laudos periciais, entregues na segunda-feira pelo Instituto de Criminalística e pelo Instituto Médico Legal (IML). Ainda de acordo com a polícia, não há novos depoimentos previstos no inquérito. Além dos laudos técnicos, o DHPP receberá ainda uma avaliação psicológica do estudante Marcelo Pesseghini, feita pelo psiquiatra forense Guido Palomba. O garoto, de 13 anos, é o principal suspeito de matar os pais, a avó materna e uma tia-avó.

 

ASSUNTO: RONDA

VEÍCULO: Diário Catarinense

Bandidos invadem e roubam residência

Dois bandidos armados invadiram uma casa no Bairro Gravatá, em Navegantes, na noite de segunda. Uma mulher de 61 anos e a filha dela, de 24, foram amarradas juntas. O homem de 65 anos passou mal e desmaiou. Os criminosos recolheram joias, celulares e aparelhos de TV e fugiram no carro de uma das vítimas, com placas de Blumenau.

Delegacia de Desaparecidos será inaugurada

O Estado confirmou para 24 de setembro, às 10h, a inauguração da Delegacia de Pessoas Desaparecidas, que funcionará na Rua Adhemar da Silva, no Bairro Kobrasol, em São José, em anexo à Delegacia da Mulher.

Três acabam presos por agressão física

Três homens foram presos ontem em Blumenau. Eles teriam agredido um frentista e um entregador de uma padaria em um posto de combustíveis no Centro. O som alto do carro em que estava o trio, suspostamente embriagado, teria motivado o desentendimento às 4h30min. O frentista teve ferimentos leves e o entregador, parte da orelha arrancada.

Suspeito de assassinato é detido em Biguaçu

A polícia de Biguaçu prendeu o suposto assassino de Jean Carlos Decker, morto com tiro na cabeça em 7 de agosto. A viúva de Decker seria mandante do crime e o detido, amante dela. Ele teria cometido o crime.

 

ASSUNTO: SEQUESTRO EM LAGES

VEÍCULO: Diário Catarinense

Suspeito de liderar quadrilha está preso

Polícia acredita que homem localizado em Correia Pinto comandou crime

O homem preso na manhã de ontem enquanto pedia ajuda em uma propriedade rural no interior do município de Correia Pinto, na Serra, pode ser o líder da quadrilha que sequestrou três gerentes de uma agência do Banco do Brasil e familiares deles na noite de domingo, em Lages.
Ezoel de Pires, 42 anos, é natural de Porto União, em Santa Catarina, mas atuaria no Paraná – onde estava foragido desde 2008 por dezenas de roubos a bancos. Em 1999, ele chegou a ser apontado como chefe da quadrilha autora de 25 crimes desse tipo só no estado vizinho.
O suspeito é apontado também como o provável criminoso que trocou tiros com a polícia na manhã de segunda-feira na BR-282 e fugiu pela mata em São José do Cerrito.
Por isso, será autuado em flagrante por tentativa de homicídio, formação de quadrilha, extorsão mediante sequestro e receptação, já que o carro que estaria dirigindo tem registro de furto no Paraná. Ele nega qualquer envolvimento com o caso e diz ter sido vítima de um crime semelhante. Mas a versão dele não convenceu os policiais, para quem o suspeito é perigoso e mentor do esquema que gerou uma verdadeira operação de guerra.
Ao ser preso no Assentamento 25 de Março, o homem identificou-se como Marcelo Alexandre Dantas Pires e disse ser morador de Curitiba. Além disso, o carro no qual estava o criminoso que trocou tiros com a PM tem placas de Fazenda Rio Grande, cidade da Grande Curitiba, onde foi roubado há poucos dias. O preso disse aos policiais e ao DC que seria caminhoneiro e estaria transportando uma carga de cigarros até Vacaria (RS). Na passagem por Lages teria sido assaltado por volta de 22h de segunda-feira. Ele disse que foi rendido e abandonado na BR-282, em São José do Cerrito, de onde caminhou 31 quilômetros pelo interior em plena madrugada em busca de ajuda.
O comandante da PM em São José do Cerrito, sargento Alcione Donisete Mota, e o delegado da Polícia Civil responsável pelo caso, Raphael Bellinati, destacaram que a suspeita de envolvimento do detido é grande devido às características do bandido caçado pela polícia: paranaense, estatura forte, pele branca e cabelos ruivos.

 

ASSUNTO: Morte de PM

VEÍCULO: Diário Catarinense

Viaturas colidem e policial morre

O cabo Marco Antônio Cardoso morreu num acidente entre duas viaturas da Polícia Militar, no Centro de Lages, por volta de 21h de ontem. Dois PMs num Palio Weekend perseguiam um Fiat Uno branco quando colidiram contra uma Kombi com quatro policiais. O cabo estava no banco do carona da Kombi, que estava subindo a Rua Cruz e Sousa quando bateu de frente contra o Palio Weekend. A Kombi subiu a calçada e bateu no muro de uma casa. O comandante do Batalhão de Polícia Militar de Lages, coronel Roberto Fonseca, informou que há suspeita de que os ocupantes do Fiat Uno tenham envolvimento no sequestro dos gerentes de banco.
Ontem, o delegado Raphael Bellinati atualizou informações sobre o sequestro. O número de criminosos envolvidos foi reduzido de pelo menos 10 para seis, total de bandidos vistos pelas vítimas. Três suspeitos estão presos. Além de Pires, ainda na segunda-feira, em Fraiburgo, foram detidos André Luiz Vicente Pinto, 31 anos, natural de Francisco Beltrão (PR) e identificado como integrante de uma facção criminosa de São Paulo, e Valmor da Silva Alves, 38, natural de Curitibanos e morador de Chapecó, que tem antecedentes por furto e roubo em SC.

 

ASSUNTO: ARTIGOS

VEÍCULO: Diário Catarinense

Cidadania e a adoção de penas alternativas, por ADA FARACO DE LUCA*

Em junho de 2012, através do empenho da Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania, do Tribunal de Justiça e do Ministério Público, foi legitimada a criação do Programa Estadual das Centrais de Penas e Medidas Alternativas (CPMA) pelo Decreto 1.012, de 5 de junho, assinado pelo governador Raimundo Colombo.
Este programa deve ser entendido como uma política da secretaria que busca promover a qualidade de vida de todos os cidadãos, que, além de ser dever do Estado, é responsabilidade de todos e deve ser consolidada em conjunto com a sociedade civil.
Santa Catarina conta com equipes multidisciplinares implementando a ressocialização. Temos seis CPMAs nas comarcas de Florianópolis, São José, Joinville, Blumenau, Criciúma e Itajaí. Juntas atenderam – até o mês de julho – 3.912 beneficiários (apenados), num total de 17.415 atendimentos – números que estão em crescimento, uma vez que em 2013 serão implantadas centrais em Chapecó (agosto) e em Lages (até outubro).
A maioria dos delitos tipificados no Código Penal em razão da pena concreta aplicada na sentença admite penas alternativas em casos de menor potencial ofensivo com penas de até quatro anos de reclusão: furto, estelionato, receptação, apropriação indébita, peculato, entre outros.
Sem deixar de punir, as penas alternativas destacam-se atuando na reconstrução das relações sociais e na manutenção do vínculo com a comunidade, com respeito à dignidade humana e às garantias individuais. Além disso, as medidas previnem a prática de novos crimes não deixando de responsabilizar o autor da infração penal.
Temos orgulho em afirmar que SC iniciou a construção de um sistema de Justiça humanizado, onde o respeito à cidadania é prioridade!

*DEPUTADA ESTADUAL E SECRETÁRIA DE ESTADO DA JUSTIÇA E CIDADANIA

 

ASSUNTO: Duplo homicídio

VEÍCULO: Jornal A Notícia

Duplo homicídio é registrado durante a noite em São Francisco do Sul, no litoral Norte

Homens foram baleados na praia Bonita depois que encostaram uma bateira no local

A Polícia Civil de São Francisco do Sul investiga um duplo homicídio registrado no fim da noite da última terça-feira, no litoral Norte do Estado. Os corpos de Valmir Gomes Vicente, de 52 anos, e Jonathan da Silva, 25, foram encontrados na beira do mar, na praia Bonita. O crime aconteceu por volta das 23h30, quando ambos teriam encostado uma bateira no local.
Valmir foi vítima de um tiro, enquanto Jonathan teria levado pelo menos seis disparos pelo corpo. A polícia foi acionada até o local depois que moradores ouviram os disparos. Nenhum suspeito foi detido até o momento.

 

ASSUNTO: Abuso de menor

VEÍCULO: Jornal de Santa Catarina

Polícia Civil de Gaspar prende homem de 79 anos suspeito de abusar de garota de 11 anos

Suspeito trouxe família da menina do Recife para morar no Vale do Itajaí

O Setor de Investigações Criminais da Polícia Civil de Gaspar prendeu preventivamente na manhã desta terça-feira um homem de 79 anos suspeito de estuprar uma menina de 11 anos. Ele vinha sendo investigado pelos policiais, Conselho Tutelar e Ministério Público desde abril deste ano.
Segundo o delegado responsável pelo caso, Egídio Ferrari, o homem conheceu a garota em uma viagem a Recife, há dois anos. Lá, ele fez amizade com a mãe dela, que também tinha outros três filhos. Na época, de acordo com a polícia, o suspeito iniciou um relacionamento com uma das filhas da mulher que ele havia conhecido em Recife.
Certo tempo depois, o caso terminou, mas o homem continuou tendo contato com a família. Segundo Ferrari, a família era mantida pelo suspeito.
— Depois de muito tempo de conversa com psicólogos, as crianças deram detalhes do envolvimento dele com uma das crianças. Ele sempre dizia que era padrinho e dava muitos presentes — explicou o delegado.
A Polícia Civil apreendeu na casa dele um notebook e materiais fotográficos, em que o suspeito aparece ao lado de outras crianças. A menina de 11 anos, que a Polícia Civil afirma ter sido estuprada, e dois irmãos dela menores de 10 anos, foram recolhidos a um abrigo e estão afastados da família.
Ferrari afirma que os indícios iniciais levam a crer que a mãe tenha envolvimento no caso, mas ela também será investigada. O supeito será encaminhado ainda nesta terça-feira ao Presídio Regional de Blumenau. Os nomes dos envolvidos não são divulgados para preservar a integridade das crianças.