Área do associado

Área do associado

Deputada Ada Faraco de Luca assume a Secretaria da Justiça e Cidadania

3.5.2011
Nessa terça-feira (2), no auditório da OAB/SC, a deputada Ada Faraco de Luca (PMDB) assumiu o comando da Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania, pasta que foi recriada na reforma administrativa do governo de Raimundo Colombo. A deputada dedicou sua posse ao pai, Addo Vânio Faraco, deputado federal cassado pela ditadura militar e que ficou preso por mais de oito meses.
No discurso de posse, a secretária enfatizou que os “altos índices de criminalidade e violência não serão reduzidos de forma mágica”. Ela prometeu construir novas unidades prisionais, pois o sistema prisional catarinense está saturado. Tem capacidade para 9 mil presos, mas atualmente cumprem pena 15.530 detentos. Além disso, o número de presos cresce cerca de 13% ao ano.
Ada também se comprometeu em criar uma força-tarefa, integrada pelo Executivo, a OAB e o Judiciário para minimizar a morosidade da Justiça e diminuir a população carcerária. Disse que vai investir na capacitação e formação dos profissionais que trabalham nos presídios e nas instituições socioeducativas para adolescentes infratores. Descartou novos concursos públicos, mas ressaltou a necessidade de parcerias público-privadas.
A nova secretária garantiu que não abdicará dos princípios democráticos, de respeito aos direitos humanos e que aplicará todos os conhecimentos auferidos ao longo da sua vida pública, aliado ao olhar feminino, na busca da verdade e da justiça.
Também tomou posse a promotora Márcia Arendt, que aceitou convite para ser a secretária-adjunta da Justiça e Cidadania. Prestigiaram o evento o governador Raimundo Colombo; o vice-governador, Eduardo Moreira; o presidente da Assembleia, deputado Gelson Merisio (DEM); os deputados Ana Paula Lima (PT), Manoel Mota (PMDB), Altair Guidi (PPS), Moacir Sopelsa (PMDB), Antônio Aguiar (PMDB), Aldo Schneider (PMDB), Elizeu Mattos (PMDB), Dóia Guglielmi (PSDB), Valmir Comin (PP) e Silvio Dreveck (PP); os secretários Antônio Ceron e Lírio Rosso, além de representantes do Judiciário, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e da OAB/SC.
 

 

Fonte: ALESC