Área do associado

Área do associado

Clipping do dia 19 de dezembro

19.12.2011

 

Clipping 19 de dezembro

MÍDIAS DE SANTA CATARINA

 

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Visor

Assuntos: Novo complexo prisional

                  Assembleia dos policiais civis

 

SEMANA DECISIVA

 

O governo do Estado está convencido de que Imaruí, no Sul do Estado, tem as condições necessárias para receber o novo complexo prisional. O anúncio, pelo próprio Raimundo Colombo, pode acontecer a qualquer momento. A intenção é que aconteça até o final do ano. Um forte trabalho de aceitação está sendo tocado, como visitas de casa em casa para convencer a população local que, a princípio, é contra.

 

***

 

O governo garante que será uma penitenciária de segurança máxima, com 1,2 mil vagas, ocupando uma área de 21 mil metros quadrados. O argumento para “seduzir” a comunidade é a melhoria na infraestrutura – já que haveria investimentos em outras áreas, como rodovias –, além do crescimento da economia local. Um estudo elaborado em Criciúma e Joinville constatou que cada detento gasta, em média, R$ 50 por semana no comércio local entre material de higiene e alimentos.

 

***

 

O movimento contrário também está trabalhando. Como é véspera de ano eleitoral, o assunto já ganhou contornos de disputa política entre o prefeito Amarildo Matos de Souza, que é favorável, e a oposição. Somente na última semana, três reuniões aconteceram com os moradores. O principal argumento dos que não querem a penitenciária por lá é a questão ambiental, já que a área escolhida abriga cerca de 10 nascentes. Esta semana, provavelmente, saberemos quem venceu.

 

 

TIRO PELA CULATRA

As entidades representativas dos policiais civis (Sinpol, Sintrasp e Adepol) prometem uma assembleia para amanhã. Com o início das convocações pela SSP para a Operação Veraneio, há chance de radicalização. Por mais que os policiais tenham razão em seus argumentos de defasagem salarial histórica, prejudicar o turista que vem para Santa Catarina pode gerar um efeito contrário aos seus próprios interesses.

____________________________________________________________________

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Geral

Assunto: Gerais

 

Cinco morrem em batida de frente em Pomerode

Quatro eram da mesma família, que viajava para Gramado. Final de semana teve 11 mortes em SC

O fim de semana foi violento, com a morte de 11 pessoas nas estradas e vias urbanas de SC. Um acidente interrompeu o sonho de uma família do Paraná de passar o Natal em Gramado (RS). No trajeto, em Pomerode, no Vale do Itajaí, o Fiat Uno que os quatro parentes estavam foi atingido por um Corsa, na SC-418. Todos morreram, inclusive o motorista do outro carro.

Inacio Engels Kuntz, 83 anos, viajava com a esposa Maria Julia Engels, 80, com a neta Juliane de Moura, 21, e com a filha Inês Passos, 47 anos, para a cidade gaúcha, onde ocorre o famoso Natal Luz.

A viagem também marcaria a recuperação de Maria Julia, que há um ano superou um câncer. Às 17h30min, o carro conduzido por Juliane bateu de frente com o Corsa, que seguia no sentido Blumenau-Pomerode. O Corsa era guiado por Luiz Carlos Ritta Moreira, 62 anos, que também morreu na hora. Ele foi enterrado em São Paulo, onde tinha parte da família e viveu antes de se mudar para Pomerode, há 20 anos.

A família que morava no Paraná foi sepultada no Cemitério Vertical de Curitiba, na tarde de ontem. Antes do acidente, Inacio seguia para Blumenau, para se juntar ao filho Valdir Angels, que seguiria viagem ao RS, com a esposa e a filha.

Amigo da família Engels, Fabiano Geisl disse que a população da cidade onde a família morava, Fazenda Rio Grande, a 30 quilômetros de Curitiba, ficou abalada com o fato:

– O choque é muito grande.

O filho do condutor do Corsa, Leonardo Moreira, lembra que o pai nunca sofreu nenhum acidente, que era cuidadoso ao volante e não tomava bebidas alcoólicas nem medicação.

 

Polícia desconfia de mal súbito

A Polícia Militar Rodoviária (PMRV) desconfia que Moreira tenha tido um mal súbito, porque não há marcas de freadas no asfalto. Os moradores da região do acidente, que fica no Bairro Testo Central, também acreditam na hipótese. Darli Bahr Bernardino, que mora às margens da rodovia há 32 anos, estava na garagem de casa quando ouviu o forte estrondo da batida, mas diz que não houve som de freadas.

– Depois que sinalizaram e colocaram iluminação, não teve mais acidentes graves aqui, apesar da curva fechada. Como não teve freada, imagino que o motorista do Corsa tenha passado mal – acredita Darli.

Um homem morreu na tarde de sábado, em Joinville, em um acidente de trânsito no Bairro Costa e Silva. Marcelo Marcos, 32 anos, estava no banco do passageiro de um Astra que bateu em um poste às 16h30min. O motorista e outros dois caronas tiveram ferimentos graves e foram levados para hospitais da cidade. Não há informações quanto ao estado de saúde deles. O corpo de Marcelo foi enterrado ontem. A Polícia Civil irá investigar se o motorista e os passageiros estavam embriagados e a causa do acidente.

 

Outras vítimas

DOMINGO

– O passageiro Fabiano Ricardo, 16 anos, morreu às 4h40min, na Rua 27 de Fevereiro, em Xanxerê, Oeste do Estado. Um gol com placas da cidade capotou e caiu sobre uma pedra. O motorista informou que perdeu o controle do carro depois que o capô abriu involuntariamente.

– Na manhã de ontem, por volta das 9h, um caminhão com placas de Santana do Livramento (RS) tombou ao fazer uma curva, no km 191 da BR-101, em Biguaçu, na Grande Florianópolis. Ninguém ficou ferido, mas com o acidente, a carga de compensados que estava no veículo se espalhou na pista, provocando a interdição do trânsito e criando uma fila de cerca de 10 quilômetros. Somente por volta das 12h10min, o trânsito foi liberado. A fila provocou um outro acidente, envolvendo um Ford Focus de Ponte Alta do Norte e um caminhão paraguaio, no km 189 da rodovia por volta das 10h20min. Após a colisão entre os dois veículos, o Ford pegou fogo. O incêndio foi controlado rapidamente e não houve feridos.

SÁBADO

– Um acidente pela manhã deixou uma mulher morta em Rodeio, no Vale do Itajaí. Cícera Clarisdina de Almeida, 54 anos, morreu ao ser jogada para fora do Uno, de Belo Horizonte (MG). O acidente aconteceu na Estrada José Astrowski Júnior.

– Um pedestre foi atropelado às 5h, no km 24, da SCT 283, em Concórdia, no Meio-Oeste. O motorista fugiu e a vítima não foi identificada até o fechamento desta edição.

SEXTA-FEIRA

– Ao bater seu Renault Clio com um Renault Sandero e um caminhão Volkswagen, Antônio Firena, 27 anos, morreu no quilômetro 441 da BR-282, em Ponte Serrada, no Oeste do Estado. O acidente aconteceu às 20h15min.

– Por volta das 21h30min, José Carlos Martins, de 42 anos, foi atropelado por um Corsa, com placas de Praia Grande. A morte ocorreu no quilômetro 439 da BR-101, em Sombrio, no Sul do Estado

 

Três cidades ficam sem luz por duas horas

Um defeito na subestação de Aririú, em Palhoça, na Grande Florianópolis, deixou três cidades da região sem energia elétrica na noite de ontem por cerca de duas horas.

Santo Amaro da Imperatriz, Palhoça e Águas Mornas ficaram às escuras e não havia previsão de retorno da energia. O imprevisto ocorreu às 20h39min e deixou 73 mil unidades consumidoras sem luz. Segundo a Celesc, os técnicos foram ao local para iniciar o conserto.

No sábado pela manhã, também falotu energia no Bairro Ingleses, no Norte da Ilha.

 

Polícia fecha bares, pubs e casas noturnas

Os bares, pubs e casas noturnas que estavam funcionando sem alvará na Praia da Guarda do Embaú, em Palhoça, foram fechados na madrugada de ontem por uma operação conjunta das polícias Civil e Militar.

A fiscalização surgiu após reclamações, principalmente de perturbação do sossego. A ação foi coordenada pela delegada regional de Palhoça, Gisele Jerônimo, e mobilizou cerca de 40 policiais civis e militares.

Os policiais chegaram ao local por volta das 2h, quando era grande a movimentação de pessoas. Não houve nenhum incidente e a ação durou duas horas. Os donos receberam notificação para a regularização.

– O que se pretende é estudar uma maneira para eles se regularizarem e sem prejuízo – disse a delegada.

A polícia pretende fazer ações semelhantes em outras praias. Para reabrirem, os estabelecimentos precisam atender a exigências como limite de horário e isolamento acústico.

____________________________________________________________________

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Informe Político

Assuntos: Policiais Civis

                  Reunião Acors, Abvo, Aprasc

                  Penitenciária

 

A atividade policial

Policiais civis de Santa Catarina programaram para amanhã, às 16h, uma assembleia geral da categoria. As três principais entidades – Sintrasp, Sinpol e Adepol – pretendem debater a questão salarial, mas vão reavaliar o movimento reivindicatório.

Há uma mudança na mobilização dos últimos dias. A forte presença de policiais, com camisas pretas, deu lugar à ausência. Em pelo menos duas ocasiões, no lançamento da Operação Veraneio do governo do Estado e na inauguração das obras de duplicação da SC-401, ambas em Florianópolis, não foram notadas. O anunciado boicote ao atendimento no período de férias é um argumento forte, pois, de forma extraoficial, pouco menos de 30 profissionais se inscreveram, quando seriam necessários 1.090. O temor é de punições administrativas.

Legítima ação reivindicatória, a campanha salarial dos civis tem um traço comum com a mobilização dos policiais militares e bombeiros militares. A base está envolvida com a cúpula no processo, algo sem precedentes na história das diversas corporações catarinenses.

O discurso dos policiais civis ficou limitado à compressão da carreira, de oito para quatro patamares, no caso de agentes, peritos, psicólogos e escrivães, e à instituição da carreira jurídica por parte dos delegados. A incorporação dos abonos em 24 meses passou na Assembleia Legislativa, bem como o aumento da gratificação de 2% para 5% nos cargos de chefia.

Além disso, os servidores da Segurança Pública terão a unificação da data-base, aumento do vale-alimentação e a concessão de 8% de reajuste nos vencimentos em duas parcelas. O quadro é imprevisível e promete novos lances, enquanto os dirigentes do Sintrasp, do Sinpol e da Adepol aguardam um encontro com o governador Raimundo Colombo, que foi alinhavado com a mediação de deputados da base governista na Assembleia. Qualquer nova reabertura de negociação ficará para 2012.

 

 

De olho

Policiais e bombeiros militares aguardam os desdobramentos de uma negociação que consideram diferenciada para a Polícia Civil.

Na última sexta-feira, os oficiais, representados pela Acors e pela ABVO, e a Aprasc avaliaram as conquistas obtidas no âmbito salarial e reforçaram a disposição de prosseguir na vigília.

 

 

Penitenciária

Não pense que a comunidade de Imaruí, no Sul do Estado, aceitará passiva a possibilidade de instalação de uma penitenciária estadual depois do resultado, considerado positivo pelo governo, de um encontro realizado no município.

Os críticos à proposta afirmam que o evento reuniu muitos partidários e aliados do prefeito Amarildo Matoso de Souza. Entre os que nem querem ouvir falar do assunto está o presidente estadual do PR, Sérgio Faust, nascido na cidade e em campanha aberta contra o que chama de falta de maior debate.

____________________________________________________________________

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Política

Assunto: PT em SC

 

Os alvos do PT em SC

Dois fatos marcarão esta semana natalina no Partido dos Trabalhadores. Acontece hoje a divulgação da resolução do diretório estadual definindo critérios para as eleições municipais de 2012. E reúne-se a plenária municipal para formalizar o cancelamento das prévias e aprovar o novo calendário das eleições para a prefeitura da Capital.

A resolução orientará todos os diretórios municipais sobre as prioridades da próxima campanha, a partir da escolha dos candidatos e da política de alianças. O PT fará em Santa Catarina coligações com todos os partidos, à exceção do PSDB, PSD, DEM e PPS. Tucanos, liberais e socialistas porque são partidos de oposição ao governo Dilma. PSD, porque é governo ao qual o PT se opõe. Embora os pessedistas tenham apoiado o governo federal, aqui no Estado estão na outra margem do rio, pela avaliação dos petistas. As eleições municipais são consideradas vitais para 2014.

A política de alianças vai priorizar, primeiro, os partidos da chamada Frente Popular. Segundo, as siglas que integram a coalizão governamental. De acordo com o presidente José Fritsch, em vários municípios o PC do B está entre os primeiros da lista, seguido do PMDB. É o caso de Florianópolis.

De outro lado, a plenária do PT oficializa hoje o cancelamento das prévias. Os dirigentes chegaram à conclusão de que a consulta para definição do candidato foi precipitada. A saída do ex-deputado Milton Mendes de Oliveira fragilizou o processo. Fundador e ex-presidente do partido, Milton defendia o calendário tradicional do PT, que recomenda debates entre os postulantes, elaboração mínima de um projeto de governo, encontros setoriais com os diferentes segmentos, para depois realizar as prévias. O cancelamento da consulta poderá incentivar Milton Mendes a recolocar seu nome à disposição.

 

 

CENÁRIOS

Entre os três municípios catarinenses com eleições de dois turnos, é em Florianópolis que o PT está mais fraco. Tem quatro nomes colocados inicialmente como pré-candidatos, mas, a rigor, não tem nenhum que desponte em condições de liderar uma chapa eleitoralmente viável.

Milton Mendes tem histórico exemplar no partido, mas seus vínculos políticos e eleitorais sempre tiveram por base a região de Criciúma. José Fritsch fez carreira e tinha residência em Chapecó, e só recentemente instalou-se na Capital. Ricardo Baratieri é um médico consagrado, mas está afastado da militância há anos, desde que se decepcionou com o PDT e depois com o próprio PT. Chegou a ameaçar com uma candidatura em 2008, mas logo desistiu. E o vereador Márcio de Souza tem currículo político, mas entrou em dividida e foi contestado dentro do PT quando assumiu a Secretaria de Turismo do prefeito Dário Berger. Dos quatro, seu nome é o mais citado para eventual aliança com o PMDB, como candidato a vice-prefeito.

A melhor posição do PT hoje, nos três maiores colégios eleitorais, está em Blumenau, onde despontam três nomes: a deputada Ana Paula Lima, a preferida da militância e a que lidera nas pesquisas; o deputado federal e ex-prefeito Décio Lima, o menos empolgado; e o vereador Vanderlei de Oliveira, em segundo mandato.

Joinville é uma incógnita. O prefeito Carlito Merss é o mais rejeitado do Estado, mas o PT tem ali eleitorado suficiente para levá-lo ao segundo turno. Esta, aliás, é ao maior interrogação. A estratégia do PT estadual terá como alvos o PSDB, o PSD e o DEM. Enfraquecendo-os em Santa Catarina, pretende reduzir o peso da oposição no Congresso Nacional.

____________________________________________________________________

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Polícia

Assunto: Polícia de Blumenau cadastra para ronda

 

Polícia cadastra para ronda

Moradores de Blumenau interessados em integrar o programa de ronda domiciliar da Polícia Militar têm até quinta-feira para fazer o cadastramento. O serviço em que os policiais visitam diariamente as casas cadastradas durante o período de férias ou viagem dos donos começou no início de dezembro e segue até 28 de fevereiro.

A ação tem o objetivo de evitar furtos nas casas que ficam vazias com a chegada do verão.

O comandante do 10o Batalhão da Polícia Militar em Blumenau, tenente-coronel Claudio Roberto Koglin, afirma que este trabalho preventivo diminuiu o índice de furto a residências nos últimos anos.

– Com a estrutura atual, ainda conseguimos disponibilizar este serviço à comunidade e, enquanto for possível mantê-lo, vamos fazer para ajudar a população – disse o comandante.

Quem não fizer o cadastro até quinta-feira, poderá fazê-lo quando o setor administrativo do batalhão voltar do recesso, em 2 de janeiro. Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Militar, a maioria dos interessados em participar do programa solicitou as rondas a partir do dia 22, quando planejam viajar.

Para fazer o cadastro, basta ligar para 3221-7370, das 13h às 19h, de segunda a sexta-feira. A polícia orienta aos proprietários que, caso algum amigo ou vizinho for entrar na casa durante o período de rondas, deixem cadastrado o nome da pessoa para o caso de uma abordagem.

 

 

BLUMENAU

Como funciona

– Os proprietários interessados devem ligar para 3221-7370 e repassar dados pessoais, endereço e um telefone para contato.

– A Polícia Militar fará rondas nas casas cadastradas enquanto não houver ocorrências em andamento.

– A estimativa é de que os policiais passem nas casas uma vez por turno.

– Em caso de arrombamento ou outro tipo de ocorrência, os proprietários são avisados pelo telefone indicado pelo morador.

– A polícia orienta que se algum amigo ou vizinho for entrar na casa durante o período em que os donos estiverem fora, que os proprietários deixem cadastrado o nome da pessoa para o caso de uma abordagem

____________________________________________________________________

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Polícia

Assunto: Pavan vence disputa para a presidência do PSDB

 

Pavan leva a melhor no duelo tucano

Conturbada disputa para a presidência do PSDB terminou ontem, com vitória do ex-governador

Buscar a unidade partidária e lutar por mais espaços para o PSDB são as prioridades de Leonel Pavan, reeleito ontem presidente estadual do partido. O primeiro gesto foi feito logo após a divulgação do resultado da votação, com o convite para que o adversário do duelo, deputado estadual Marcos Vieira, participe da executiva.

A reunião do diretório começou com um clima tenso. Desde domingo, quando se decidiu adiar a escolha do presidente, os tucanos manifestavam preocupação com a polarização das candidaturas e tentavam buscar um nome de consenso. Mas, sem acordo, foram à votação. Primeiro, foram chamados os 104 titulares do diretório. Como 15 integrantes não apareceram, foram convocados os suplentes.

Às 17h10min, o secretário-geral do partido, o prefeito de Imbituba, Beto Martins, anunciou o resultado. Pavan recebeu 59 votos, Vieira teve 43 votos, houve ainda um voto nulo e um branco. Pavan foi aclamado pelos seus apoiadores, enquanto Vieira foi o primeiro a falar.

– Quero me apresentar e saber quais armas que terei que usar, porque também quero lutar na trincheira do PSDB – discursou o deputado.

Pavan devolveu o gesto, dizendo que não comemoraria a vitória sobre um companheiro e fez um apelo.

– Preciso de você para tocar o nosso partido e quero que você indique pessoas para compor a executiva – destacou Pavan.

A avaliação do presidente da Casan, Dalírio Beber, é de que o PSDB sai fortalecido do conturbado processo eleitoral, porque permitiu o debate entre duas lideranças que pretendiam dirigir a sigla.

Para o senador Paulo Bauer, a vitória de Pavan começou a ser desenhada quando ele propôs abrir mão de sua candidatura em favor do próprio Bauer, de Martins ou de Beber. Neste momento, raciocina o senador, os tucanos alinhados a estas três lideranças acabaram pendendo para o lado do ex-governador.

 

LEONEL PAVAN

Presidente eleito do psdb-sc

“Vou cuidar do PSDB e vou cobrar espaços para o nosso partido. Os nossos secretários estão ajudando o governador Raimundo Colombo (DEM) e se o governo está indo bem, o PSDB está dando sua contribuição.”

____________________________________________________________________

Veículo: Diário Catarinense

Editoria: Polícia

Assunto: Crimes e ocorrências

 

 

Foragido paranaense é procurado em SC

Um jovem indiciado por três estupros em Curitiba pode estar escondido na região do Vale do Itajaí. Mikail Margregori Ribeiro, 20 anos, está foragido da Justiça do Paraná.

A Polícia Civil catarinense divulgou que ele tem familiares na região de Itajaí e está à procura de pistas que possam levar à sua prisão. As informações sobre Mikail e a sua fotografia estão desde sexta-feira na capa do site da Polícia Civil de SC (www.pc.sc.gov.br).

Mikail é procurado pelo Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente do Paraná, suspeito de violentar duas adolescentes e uma adulta. De acordo com a polícia, os crimes a que ele responde teriam acontecido de 2009 a 2011.

Denúncias podem ser feitas aos números 190, 181 ou (41)3244-3577.

 

Homem flagra mulher com ex e mata o rival

Célio Assis Abigaus, 37 anos, foi morto por volta das 2h de domingo, após ser flagrado na cama com sua ex-mulher pelo atual namorado dela, no Bairro Vila Nova, em Mafra, Planalto Norte do Estado. Clóvis Antônio Mendes, 24 anos, disse à polícia que encontrou a namorada com o ex-marido na cama e, com raiva, pegou um pedaço de madeira e bateu diversas vezes na cabeça e no corpo de Célio, que morreu no local. A mulher, que tentou impedir os golpes, também foi atingida, mas teve apenas ferimentos leves. Clóvis foi preso em flagrante. Ele confessou o crime, segundo a polícia.

 

Jovem esfaqueado ao separar uma briga

Às 4h de ontem, um rapaz de 19 anos levou duas facadas na Rua Felipe Schmidt, Centro da Capital. Segundo a Polícia Civil, ele participava de uma festa e foi atingido na altura dos rins ao tentar apartar uma briga entre outros cinco jovens por causa de uma garota. Os homens o levaram para a rua, derrubaram e o esfaquearam. Ele conseguiu fugir com a ajuda de um amigo, que estava de moto e o levou ao Hospital Celso Ramos, onde permanece internado. Um dos suspeitos foi preso em flagrante e levado à central de triagem da Polícia Civil. O rapaz que deu a outra facada conseguiu fugir.

 

Rapaz morto com 12 tiros de pistola

Anderson Rosa de Azevedo, 29 anos, foi morto, às 23h de sábado, com 12 tiros de pistola 9 milímetros na casa em que morava, no Bairro Jardim Paraíso, Zona Norte de Joinville.

 

Segundo a mãe de Anderson, o filho atendeu ao chamado de um homem e foi atingido. Ela contou que não viu o suspeito e que não tinha conhecimento se o filho estava sofrendo ameaças. Quando a polícia chegou, Anderson já estava morto.

Segundo o delegado Marcel Araújo de Oliveira, que atendeu à ocorrência, o crime seria uma execução.

– Pela forma com que aconteceu, tem todas as características de um acerto de contas. Provavelmente ele tinha alguma dívida – afirmou.

Anderson morava com a mãe, não tinha passagens pela polícia e, de acordo com relatos de moradores, não seria usuário de drogas.

 

 

Cocaína na cintura

Duas mulheres foram flagradas transportando 2,1 quilos de cocaína em ônibus na BR-163, em Dionísio Cerqueira, no Extremo-Oeste de Santa Catarina. A droga estava presa em cintas junto ao corpo das suspeitas. Agentes da Polícia Rodoviária Federal pararam o coletivo por volta de 1h de sábado. O veículo havia saído de Foz do Iguaçu (PR) e seguia para Porto Alegre. Maria Dominga Dias, 61 anos, de Ponta Porã (MS), e Aparícia Caceres, 43, de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, foram presas em flagrante. Aparícia tentou se passar por outra pessoa, apresentando um documento de identidade falsificado do Estado do Mato Grosso do Sul. As duas mulheres e as drogas foram encaminhadas para a Polícia Federal em Dionísio Cerqueira. Suspeita-se que a droga veio do Paraguai.

____________________________________________________________________

Veículo: Notícias do Dia

Editoria: Polícia

Assunto: Câmeras de monitoramento em São José

 

 

Polícia de São José espera redução nos crimes com 39 câmeras de monitoramento

Número de homicídios e furtos de veículos caiu nos primeiros meses com nove equipamentos funcionando

A redução nos crimes de contravenção, furtos, roubos de veículos e até homicídios é associada a instalação das câmeras de videomonitoramento de São José, segundo o comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar, Romualdo Weiss. Na manhã desta quinta-feira (15), a base operacional e de videomonitoramento foi oficialmente inaugurada.

Desde o mês de dezembro de 2010, nove câmeras entraram em funcionamento em pontos estratégicos da cidade. Um ano depois, mais 30 equipamentos começaram a auxiliar no monitoramento. Atualmente, 39 câmeras gravam durante 24h diárias imagens coloridas e em alta definição. Na base operacional, localizada no estacionamento do Shopping Center Itaguaçu, em Barreiros, um policial militar e um guarda municipal observam os visores.

Coronel Weiss explica que os equipamentos têm um alcance de até 300 metros e focam 360 graus, mudando de ângulo a cada 10 segundos. “Através das imagens, os policiais conseguiram perseguir veículos em fuga e abordar envolvidos em acidentes de trânsito”, lembra. O comandante destaca que nos primeiros sete meses deste ano, os crimes de contravenção caíram 20% e os de furto a veículos reduziram em 10%.

De janeiro a dezembro do ano passado, foram registrados 41 homicídios. No mesmo período deste ano, o número caiu para 36, uma redução de 9%. “Parece pouco, mas agora temos o apoio de 39 câmeras vamos reduzir ainda mais”, avisa Weiss. O coronel ressalta que a equipe que monitora os equipamentos tem contato com as guarnições operacionais via rádio.

 

Comunidade atendida

Desde o ano de 2006, o Conseg (Conselho de Segurança) dos bairros Campinas e Kobrasol organizou um abaixoassinado para reivindicar mais segurança, incluindo as câmeras de monitoramento. Cinco anos depois, o documento foi entregue ao secretário do estado da Segurança Pública, César Grubba.

“Conseguimos dez mil assinaturas e toda a comunidade está muito grata. Estão cumprindo com as promessas e esperamos que o Estado continue atendendo São José, que estava abandonada”, ressalta a presidente do Conseg, Teresinha Zanella.

Em sua declaração, Grubba relatou que a base de videomonitoramento é fruto de uma parceria público-privada. “As 39 câmeras ainda não são suficientes, mas é um grande passo”, acrescenta. O secretário enumerou que Santa Catarina registrou, em 2011, 31 homicídios a menos que em 2010. “O Estado é o mais seguro de todo o Brasil”, observa.

 

BOX: Redução nas ocorrências (comparado com o mesmo período de 2010)

-Crimes de contravenção: menos 20%

-Furtos a veículos: menos 10%

-Homicídios: de 41 caiu para 36, 9% de redução

 

BOX: Câmeras

-Total: 39

-Alcance: até 300 metros

-Amplitude de 360 graus

-Imagem colorida

-A cada 10 segundos a imagem é alternada no visor

-Bairros beneficiados: Kobrasol, Campinas, Barreiros, Praia Comprida, Forquilinha, Fazenda Santo Antônio, Centro Histórico, Roçado, Jardim Zanelatto e Bela Vista

-Até abril de 2012, Santa Catarina receberá 358 câmeras

-Investimento total é de R$ 6 milhões, proveniente da parceria entre Governo do Estado e prefeituras

 

 

BLOGS

 

Paulo Alceu

 

PSDB dividido?

A vitória do ex-governador Leonel Pavan para comandar o PSDB confirma que ele não é mais unanimidade dentro do partido. Obteve 59 votos contra 43. Foi uma disputa apertada que em certos momentos colocou na liderança o deputado Marcos Vieira, que não abriu mão de buscar no voto a manifestação dos tucanos. O consenso foi proposto, mas questionado. Por que um terceiro nome, depois de montada toda a estrutura de campanha e a busca de apoios? Por que o senador Paulo Bauer? Prevaleceu o voto, que certamente dá mais credibilidade ao processo e maior participação, sem costuras internas de cúpula e negociações distanciadas dos convencionais. De repente essa disputa que assustou alguns agitou o ninho tucano e mandou recados importantes como a mudança de rumo no comando da sigla. Pavan percebeu ao entrar no evento ontem a desigualdade diante do otimismo do deputado Marcos Vieira. Mas a medida que os convencionais iam chegando sentiu a possibilidade de vitória. Essa etapa foi ultrapassada deixando uma lição. Caberá ao presidente reeleito do PSDB estabelecer a unidade e fortalecer a sigla estancando de imediato qualquer movimento de desembarque. Pavan terá que mudar o estilo e a forma em nome do PSDB, pois o resultado embora favorável revelou que há um importante segmento querendo mudanças.

 

Valendo

O governador Raimundo Colombo sancionou ontem o projeto da minirreforma administrativa, que foi aprovado no dia 14 de abril pela Assembléia Legislativa. Ou seja, está com a máquina ajustada para suas necessidades e ações. Na adequação saem 316 cargos e são criados 231 novos postos, além da Secretaria de Defesa Civil e da Secretaria de Justiça e Cidadania. E ontem também o governador reuniu os servidores da Casa d’Agronômica para celebrar o Dia da Páscoa antecipadamente. Entregou um ovo de chocolate a cada um dos cerca de 30 funcionários agradecendo pela dedicação e pelo apoio nesses quatro primeiros meses.

 

Moacir Pereira

 

Acors, Abvo e Aprasc avaliam conquistas

Tres entidades dos policiais militares estiveram reunidas. Ao final, emitiram a seguinte nota sobre os projetos salariais aprovados pela Assembleia Legislativa: 

 “A ACORS, ABVO e APRASC, entidades que representam os militares praças e oficiais catarinenses, reuniram-se para avaliar a aprovação dos projetos de leis com textos de interesse da categoria.  As PLC 48, PLC 52 E PLC 51 foram aprovadas por unanimidade em sessão da Assembleia Legislativa.

 Durante as tratativas com o governo, as associações atuaram juntas, somando esforços para lutar por melhores condições para a classe dos militares estaduais.  Considerando que foi uma importante vitória e um ano positivo, os integrantes das diretorias entenderam o esforço dispendido pelo Governo no afã de atender a todos, servidores públicos civis e militares estaduais PM e BM, ativos e inativos.   “De qualquer forma, ficou patente a discriminação existente entre as diversas categorias da Segurança Pública, o que nos desagradou sobremaneira. Na reunião ficou acertado que continuaremos em vigília buscando a igualdade entre os vários segmentos dos operadores da Segurança Pública”, afirmou o presidente da ACORS, Cel Fred Harry Schauffert.   A importância da união entre as associações foi destacada pelos presentes. O meu desejo é de que nós possamos dar continuidade, de forma conjunta, a novos rumos e encaminhamentos em 2012¿, completou o Coronel.

O presidente da ABVO, Cel Rogério Martins, ressaltou o papel atuante da ACORS e a força que a parceria entre as entidades representou. ¿Tudo isso mantém a corporação ainda mais unida, o que facilita na busca pelos nossos objetivos de construir um futuro ainda melhor para todos nós¿, declarou.

Para o presidente da APRASC, Deputado Sargento Amauri Soares, o momento vivido é importante e que há motivos para ser comemorado, principalmente em relação à aprovação da anistia.  Mas destacou que a situação poderia ser melhor e que a luta conjunta continuará em 2012.

Durante a reunião, todos os integrantes das diretorias tiveram a oportunidade de se manifestarem e agradeceram a colaboração mútua entre as associações, que esqueceram as diferenças para atuarem juntas na busca pelo fortalecimento da corporação.”

 

Policiais marcam nova assembleia estadual

Os dirigentes do Sinpol, Sintrasp e Adepol continuam na expectativa de convocação de uma reunião no Centro Administrativo. Foram convidados para um encontro ontem, mas apenas os técnicos apareceram. O Grupo Gestor, que decide, não deu o ar de sua graça, frustrando delegados e policiais civis.

As três entidades marcaram assembleia estadual para a próxima terça-feira. Se até lá o governo não der alguma sinalização sobre questões mínimas da pauta, o movimento poderá entrar em nova fase de radicalização.